fbpx

Turismo em Gramado com um pouco de Canela: guia atualizado

Janeiro de 2020

 

Turismo em Gramado com um pouco de Canela? Sim! O título do nosso post foi escolhido em virtude da nossa intenção de dar maior foco à Gramado e, assim, apenas complementar com algumas informações sobre Canela. Fizemos dessa forma porque houve vários pedidos nas nossas redes sociais pra falarmos mais sobre dicas específicas de Gramado.

Assim sendo, vamos ao que interessa. 

Se você quer viajar para a Europa sem sair do Brasil e gastando muito menos, Gramado é uma excelente escolha.

Afinal, 6 milhões de visitantes por ano não podem estar errados, né? 🙂

Então, confira as nossas dicas:

Turismo em Gramado com um pouco de Canela

Estação mais indicada

Cada uma delas tem seu charme. No entanto, a depender do perfil dos visitantes, algumas peculiaridades de cada estação agradará mais e, certamente, ajudará na decisão final.

Então, leve em consideração o melhor que cada uma delas tem a oferecer antes de definir suas datas:

  • No inverno você encontra todo o charme Europeu, já que as temperaturas ficam mais baixas (podendo até nevar) e a gastronomia típica da região combina perfeitamente com esse clima.
  • No verão temos o famoso Natal Luz, um festival famoso no Brasil inteiro em que a cidade toda se converte em um grande presépio natalino. Como a procura é muito grande, recomenda-se reservar os hotéis e comprar os ingressos para as atrações com antecedência.
  • Na primavera e no outuno que são épocas consideradas como baixa temporada por lá, o grande atrativo são os preços, os quais caem drasticamente se for comparado com o verão e o inverno.
turismo em gramado com um pouco de canela
Gramado no inverno. Foto: Ellen

Quantos dias ficar

Visitamos Gramado e Canela em 8 dias.

Nos hospedamos em Gramado e, como viajamos de carro, transitar pelos principais pontos turísticos se tornou super fácil. Então, fizemos uma viagem a Gramado com um pouco de Canela no roteiro, priorizando as atrações da cidade base.

Assim sendo, consideramos que 8 dias foi suficiente para conhecer as atrações imperdíveis da região.

turismo em gramado com um pouco de canela
Letreiro de Gramado. Foto: Ellen

Como chegar

Gramado fica apenas há 100km do aeroporto de Porto Alegre.

No entanto, caso queira fazer uma road trip e, portanto, vá dirigindo da sua cidade até lá, encontrará ótimas estradas e terá fácil acesso à região.

Saímos de Curitiba e em pouco mais de 9 horas chegamos em Gramado.

Como as estradas são pedagiadas, estão em ótimas condições, bem como, oferecem segurança e suporte.

turismo em gramado com um pouco de canela
Portal de Gramado. Foto: Ellen

Gastronomia

Por lá você encontra comida italiana e alemã, ambas fantásticas, além, é claro, de muito chocolate.

Aliás, sempre que visitar Gramado, vá um de seus cafés coloniais para saborear uma fartura de ótimos quitutes. Verdadeiramente, Gramado com um pouco de Canela, em todos os sentidos. Hummm rsrs

Lá é costume deles servir muitos pratos diretamente na sua mesa (pães, salames, geleias etc.) e, então, você apenas complementa com os bolos e demais itens do buffet. Já vou logo avisando que é de por fim em qualquer dieta…

Ah! Experimente também o fondue na pedra, simplesmente maravilhoso e bem mais saudável. Sem contar que não deixa aquele cheiro forte de óleo no ambiente.

Quando estivemos visitando a cidade, foi a primeira vez que saboreamos um fondue feito dessa forma. Gostamos tanto que até compramos a pedra para fazer igualzinho em casa.

A vantagem da pedra é que ela serve não apenas para fondue, então, achamos que foi uma ótima aquisição.

Transporte na cidade

Como Gramado é uma cidade pequena, bem sinalizada e tem a cultura de respeitar a faixa de pedestres, você circula facilmente a pé.

Mas, se preferir ir até Canela ou a algum ponto mais distante será necessário usar carro, uber ou outra opção que preferir.

De qualquer forma, se for dirigir por lá, pode saber que é super tranquilo. Apenas, fique muito atento à sinalização. O policiamento é constante e por um pequeno descuido já levamos uma multa.

Caso você queira relaxar pra valer nessa viagem, opte por alugar um carro. Afinal, não ter que se preocupar com manutenção pré-férias nem com o desgaste do próprio veículo faz com que as férias tenham uma pitada a mais de tranquilidade.

Alugando um carro, assim como nós fizemos, a viagem segue o ritmo que você quiser, tudo sai do seu jeito. Nada melhor, né?

Eu uso muito a Rentcars porque ela é imbatível em relação a preços e ainda é possível parcelar. Para cotar é só clicar no link abaixo ou se prefererir, é possível pesquisar a cidade direto pelo banner. 😉

Ruas imperdíveis

As principais ruas, aquelas que você não pode deixar de conhecer em uma visita a Gramado, são:

  • Avenida Borges de Medeiros: a principal da cidade. É onde fica a Igreja de São Pedro, algumas lojas de roupas e chocolates.
  • Rua Coberta: melhor local para encontrar bares e restaurantes. Especialmente, para jantar. Estivemos andando por lá à noite, perto da meia-noite, e a cidade toda transmite muita segurança ao turista.
turismo em gramado com um pouco de canela
Gramado à noite. Foto: Ellen

Atrações

As principais atrações, pra você equilibrar um roteiro que contemple Gramado com um pouco de Canela, em nossa opinião, são:

  • Parque Snowland (tem pistas de esqui indoor);
  • Reservas belíssimas em Canela. (Visitamos o Parque Estadual do Caracol, bem como o super divertido Alpen Park e não nos arrependemos. Valeu muito a pena. Não perca também o Parque da Ferradura. Esse é outro ponto imperdível, em virtude de seus belos mirantes.)
  • Lago Negro (principal cartão-postal, com sua floresta plantada a partir de mudas trazidas da Floresta Negra, da Alemanha. A dica é andar de pedalinho e apreciar a paisagem com lindas hortênsias e a floresta ao redor.)
  • Mini Mundo (mais uma atração clássica. Nesse museu peculiar é possível ver uma cidade em miniatura com réplicas perfeitas de monumentos famosos pelo mundo.)
  • Museu de cera Dreamland (tem mais de cem personagens.)
  • Museu da cerveja Bier Park (não só conta a história da bebida como também oferece uma degustação a partir da produção local.)
  • Fábrica Cristais de Gramado (utiliza a mesma técnica italiana para os famosos cristais soprados de Murano.)
  • Museu interativo Super Carros (não apenas expõe alguns dos carros mais luxuosos do mundo como também permite ao visitante experimentá-los em ação pelas ruas de Gramado.)
  • Mundo a vapor (museu em que se conhece melhor o mundo das indústrias e das máquinas a vapor.)
  • Vinícolas (em Bento Gonçalves, próximo a Gramado, você encontra algumas das principais do país.)
Lago Negro. Foto: Ellen
turismo em gramado com um pouco de canela
Mundo a Vapor. Foto: Ellen
turismo em gramado com um pouco de canela
Canela. Foto: Ellen
Canela
Cachoeira em Canela. Foto: Ellen

Novidades

  • Geo Museu, na Avenida das Hortênsias (acervo com pedras preciosas, minerais e fósseis do mundo todo).
  • Wyndham Gramado Resort (parque termal).
  • Museu dos Beatles.
  • Museu egípcio em Canela.

Dicas finais do nosso post "Gramado com um pouco de Canela: guia atualizado"

Gramado e Canela são regiões únicas do nosso país, não é à toa que são admiradas há muitos anos e, ainda, as pessoas que já conhecem não se cansam de retornar. Enfim, é um destino incrível para casais, famílias e idosos.

Esperamos que tenham gostado das nossas dicas para explorar Gramado com um pouco de Canela.

E você? Já esteve em alguma dessas atrações? Conte pra nós nos comentários quais delas mais te interessaram ou quais você gostaria de cohecer.

Ah! Caso você esteja procurando dicas para planejar um roteiro de viagens do zero, esse post vai te ajudar muito.

Recomendamos também a leitura do post sobre Foz do Iguaçu, mais um lugar incrível no sul do país.

Gostou deste post? Compartilhe.

Facebook
Pinterest
WhatsApp
Imprimir
Telegram
E-mail

* Temos orgulho de só publicar artigos baseados em viagens que a autora realmente fez, então, se ler algo por aqui, pode confiar.

** Este artigo não recebeu nenhuma espécie de patrocínio e reflete as opiniões pessoais da autora.

Posts relacionados

Destinos baratos no Brasil

10 Destinos baratos no Brasil

Em tempos de dólar e euro altos aumenta a procura por destinos baratos no Brasil. Nesse post, vamos falar quais são os mais recomendados.

Logo, podemos ver que esse post foi escrito do mesmo modo que os demais. Entretanto, com originalidade, assim como as fotos são inéditas. Portanto, contudo, todavia, não é visto que isso é assim. Em outras palavras, as fotos não são divulgadas. Da mesma maneira, sim. Contudo, também. Surpreendentemente, sim. Inegavelmente também. Analogamente, assim. Anteriormente, também. Decerto, sabemos. Eventualmente, será. Outrossim, talvez. Precipuamente, quem sabe. Salvo que seja diferente. Primordialmente também. A menos que não reconheça. Antes que chova. Ao propósito de concluir. Com efeito, será. De acordo com isso. De tal sorte que teremos alguém. Em contraste com aquilo. Seja como for, todos. Em princípio será assim. Além disso, irei. Em resumo também. Por outro lado falarei. Em terceiro lugar, jamais. Agora sabemos. Nesse hiato funciona. Pelo contrário. Nesse ínterim também. Por analogia dará certo. Nesse meio tempo acontecerá. Por conseguinte todos. Sob o mesmo ponto de vista será ótimo. Tanto quanto você. Se bem que eu faço. Uma vez que saímos. Visto que falamos. Ora pra cá ora pra lá. quer andando quer fazendo. Ou isso ou aquilo. Finalmente podemos. Provavelmente faremos. Afinal, é possível. Aliás, que bom. Conforme fizemos. Conquanto amamos. Sobretudo vocês. Enfim, podemos. Para que se faça. Por certo falaremos. Enquanto não se sabe. Eventualmente dará certo. Em conclusão sim.